Universal Robots quer reforçar presença em Portugal

Universal Robots Spain S.L.
Tel.: +45 89 93 89 89
sales@universal-robots.com · www.universal-robots.com

A Universal Robots, empresa dinamarquesa no fabrico de robots colaborativos (cobots), nomeou Miguel de Oliveira para o cargo de diretor de desenvolvimento de negócio em Portugal. O novo responsável irá fortalecer e consolidar a estratégia comercial da empresa no mercado nacional com novas e estreitas parcerias com clientes e um reforço do suporte ao seu distribuidor EPL – Mecatrónica & Robótica. Adicionalmente, a Universal Robots pretende entrar em novos setores industriais em Portugal aos quais a flexibilidade e facilidade de utilização dos seus robots colaborativos oferece uma grande oportunidade para a automatização de processos, em muitos casos, até agora impensável.

Recentemente, a Universal Robots celebrou 10 anos desde a venda do seu primeiro robot, década ao longo da qual vendeu mais de 27 000 cobots em todo o mundo. Com uma quota de mercado global de 60%, a empresa quer ampliar a sua presença em Portugal e aumentar significativamente o número de braços robóticos colaborativos já instalados no país. Em junho de 2018, a Universal Robots lançou uma nova geração de braços robóticos colaborativos, a gama e-Series que consiste numa plataforma capaz de elevar o standard dos cobots, permite um desenvolvimento de soluções e a implantação mais rápida de uma maior variedade de aplicações.

Licenciado em Engenharia Eletrotécnica pelo ISEL e Pós-Graduado em Gestão comercial pela FEP, Miguel de Oliveira conta com mais de 15 anos de experiência em robótica e automatização de processos industriais. Antes de integrar a Universal Robots, foi gestor de vendas da unidade de negócio de Robótica na multinacional ABB em Portugal, empresa onde desempenhou igualmente as funções de gestor de canal e engenheiro de vendas. Jordi Pelegri, Diretor de Desenvolvimento de Negócio da Universal Robots para a Península Ibérica, afirmou: “com a chegada de Miguel de Oliveira à nossa equipa, estamos certos que iremos fortalecer a nossa presença em Portugal, tanto nas indústrias onde temos já robots instalados como no desenvolvimento de novas parcerias e mercados”.