LusoMatrix: nova fonte de alimentação TDK-Lambda – série CUS100ME

LusoMatrix – Novas Tecnologias de Electrónica Profissional
Tel.: +351 218 162 625 · Fax: +351 218 149 482
www.lusomatrix.pt

A TDK-Lambda, representada em Portugal pela empresa Lusomatrix, lançou a série CUS100ME de 100 W para aplicações médicas e industriais como opção para fontes de alimentação AC-DC. A série oferece 75 W em temperaturas ambientes de até 85°C com um fluxo de ar de apenas 1 m/s, no entanto, através de uma ventilação pode fornecer a potência total aos 70°C. Os mercados-alvo incluem equipamentos de saúde em casa, médicos, odontológicos, teste e medição, transmissão e equipamentos industriais.

A série dispõe de 7 tensões de saída padrão como opção; outras configurações de tensão estão disponíveis mediante solicitação. A faixa de tensão de entrada é de 85 a 264 Vac, 47-63 Hz com a capacidade de aceitar 47-440 Hz. As eficiências operacionais são de até 94%, com uma eficiência média de >87% e <0,5 W de consumo de energia sem carga. Disponível em 4 tipos de formato, as fontes de alimentação são projetadas para uso em instalações de Classe I ou Classe II (isolamento duplo). A estrutura aberta CUS100ME mede 50,8 x 101,6 x 31,5mm (L x C x A), o chassi em U 64 x 116 x 38,5 mm ou 64 x 116 x 39,7 mm com uma tampa. Uma versão alta de 34,2 mm com uma placa de base metálica também pode ser fornecida. Os modelos de chassi em U e com placa de base metálica facilitam a ventilação em ambientes com temperaturas elevadas.

Assim como os modelos de 30 W, 60 W e 150 W da série, o CUS100ME possui uma entrada para isolamento de 4000 Vac (2 x MoPP), uma entrada para isolamento de 1500 Vac (1 x MoPP) e saída para isolamento de 1500 Vac (1 x MoPP) para ajustar os equipamentos médicos com classificação B e BF. A corrente de fuga é <250µA e a corrente de contacto é <100µA. A altitude máxima de operação, transporte e armazenamento é de 5000 metros. As certificações de segurança incluem IEC/EN/ES 60601 1, IEC/EN/UL 60950 1, IEC 61010 1 (projetado para atender) com marcação CE para as Diretrizes de Baixa Tensão, EMC e RoHS2. Uma reunião derivativa EN 60335 1 pode ser fornecida mediante solicitação. As unidades também atendem às emissões EN 55011-B e EN 55032-B conduzidas e irradiadas (Classe I e II), e atendem aos padrões de imunidade EN 61000 3-2 harmónicos, IEC 60601-1-2 Edição 4 e IEC 61000-4.