Contrinex

Kistler apresenta o primeiro dinamómetro sem fios (RCD) equipado com sensor piezoelétrico

A Kistler traz ao mercado o primeiro RCD (dinamómetro de corte rotativo) sem fios com sensor piezoelétrico, que permite medições muito precisas de forças de corte em várias aplicações de maquinagem.

A Kistler traz ao mercado o primeiro RCD (dinamómetro de corte rotativo) sem fios com sensor piezoelétrico, que permite medições muito precisas de forças de corte em várias aplicações de maquinagem. Parte do sistema de medição é uma nova plataforma (software e hardware) que realiza análises automatizadas que ajudam a aumentar a eficiência dos processos de trabalho.

Os RCDs são usados por universidades, centros de investigação e no desenvolvimento de ferramentas e máquinas, mas também para monitorização de produção para medir forças de corte – especificamente em operações de fresagem, furação, retificação e superacabamento. Na maquinagem, a qualidade da peça, a vida útil da ferramenta e o tempo de produção dependem de diferentes fatores: os dinamómetros fornecem dados que contêm informações valiosas sobre mecanismos de desgaste, caraterísticas do material ou qualquer anormalidade da máquina ou processo. O conhecimento obtido a partir dessas medições ajuda a melhorar a qualidade do produto, bem como a relação custo-benefício dos processos de corte.

Especialmente na monitorização da produção, as soluções sem fios costumam ser preferidas, pois o espaço nas máquinas é limitado e a instalação de cabos para conectar o sensor pode ser difícil ou não ser permitida. O RCD sem fios da Kistler é o primeiro do seu género equipado com um sensor piezoelétrico e conectado via tecnologia sem fios ao dispositivo de aquisição de dados. Este integra cristais piezoelétricos de 4 canais para medir o binário, bem como as forças nas 3 direções (Fx, Fy e Fz). A conexão por tecnologia sem fios de baixa energia tem um alcance de 5 metros até à caixa do recetor, dependendo das condições do local.

Os sensores piezoelétricos apresentam uma ampla gama de medição até 20 kN com alta resolução (<1N) e alta sensibilidade. Isto permite que os utilizadores empreguem o mesmo sensor numa ampla variedade de aplicações, desde processos de desbaste até processos de acabamento. O RCD sem fios da Kistler tem uma taxa de amostragem de 10 kHz que permite capturar amostras altamente dinâmicas da medição em aplicações até 16 000 RPM. Geralmente, os sensores piezoelétricos garantem medições mais precisas do que outras tecnologias, como os sensores strain-gauge, que possuem limitações significativas, especialmente ao medir forças pequenas e processos altamente dinâmicos.

O novo software PTS (Piezo Tool System) que acompanha o RCD sem fios adquire e analisa automaticamente os dados de maquinagem enquanto a máquina está em funcionamento. Os utilizadores obtêm informações ideais sobre a condição da ferramenta de corte, pois o software fornece análise automática da tendência do sinal. No futuro, o sistema também poderá comunicar diretamente com a unidade de controlo da máquina para iniciar, por exemplo, trocas automatizadas de ferramentas no momento ideal, levando a um menor tempo de inatividade da máquina, melhor relação custo-benefício e redução dos esforços de manutenção. A plataforma PTS automatiza a aquisição, análise e registo de dados, e melhora a eficiência dos testes em laboratórios e centros de investigação.

Kistler Ibérica S.L., Unipersonal
Tel.: +34 938 603 324
[email protected] · www.kistler.com

Translate »